Economia de tempo e dinheiro na obra sem perder qualidade

Economia de tempo e dinheiro na obra sem perder qualidade

O mundo muda todos os dias. Nós mudamos todos os dias. E o mercado precisa acompanhar essas mudanças. Nas últimas décadas, a tecnologia mudou completamente a forma como vivemos. Seja no âmbito pessoal, seja nos negócios e na indústria. No setor da construção civil não foi diferente. Já existem novas tecnologias construtivas que são capazes de simplificar a execução de algumas etapas da obra. Essas tecnologias diminuem o tempo gasto, aumentam a produtividade, geram um produto final com melhor acabamento e trazem economia.

Após muitos anos de recessão, os bons ventos estão a favor do setor da construção civil novamente. Nesta onda de perspectivas positivas, produtividade tornou-se a palavra fundamental! Soluções completas, em variados níveis, surgiram para inovar e contribuir com o trabalho nos canteiros de obras. Economia e praticidade se uniram para atender às necessidades de cada cliente e otimizar o planejamento dos projetos.

Planejamento de Obra

A falta de previsibilidade na construção civil acarreta inúmeros tipos de problemas. Os principais deles estão relacionados a compra de materiais, atraso de pagamentos e qualidade do resultado final. Um bom planejamento de obra é fundamental para o sucesso dos projetos. Isso inclui prever custos, serviços e materiais. Essa é uma das etapas, mais importantes (senão a mais) na hora de construir. Com a exigência de cumprir prazos, reduzir custos e ter lucratividade, a indústria precisa atentar à importância da previsibilidade na construção civil. Planejar a obra traz inúmeras vantagens, entre elas: aumento na produtividade; aumento na lucratividade; redução de custos; cumprimento dos prazos das atividades da obra; e cumprimento dos prazos de pagamentos.

Produtividade e Economia na Construção Civil

O mercado da construção civil carece por mais produtividade nos canteiros de obras. A gestão desta atividade precisa cada vez mais do auxílio da tecnologia. As soluções completas vieram como uma excelente opção para economizar tempo e, portanto, dinheiro. Além disso, trouxeram inúmeras outras vantagens para o setor, como o maior controle da qualidade dos processos e produtos.

Em um cenário de demanda aquecida, carência de mão de obra e cronogramas atrasados, a construção civil aposta em soluções industrializadas para queimar etapas e reduzir o tempo de trabalho nos canteiros de obras. No lugar dos materiais e sistemas construtivos tradicionais, entram soluções inovadoras, que tornam a vida muito mais fácil e rápida, sem perder na qualidade. Dessa forma, a construção civil desenvolveu alguns produtos e meios de produção específicos, como componentes pré-moldados padronizados e kits de itens prontos. São exemplos: o steel framing, o contrapiso nivelante, o gesso projetado, drywalls, os kits de tubulações e os kits porta pronta.

Canteiro vira linha de produção

A filosofia é transformar o canteiro de obras em uma linha de montagem. A construção tradicional sofre muito com custos acima do previsto e prazos alongados. As estruturas pré-fabricadas, por exemplo, trazem uma grande previsibilidade de custo e de prazo, já que ambos são fixos. Essas vantagens trazem segurança ao construtor e ao dono da obra. O fato de as peças serem produzidas em uma fábrica e levadas prontas para a obra traz limpeza, organização e zero resíduo para o canteiro de obras. Esse modela também garante mais qualidade final e necessita menos mão de obra.

Além disso, as estruturas pré-fabricadas são flexíveis e se adaptam a diversos tipos de empreendimento, sejam eles comerciais, industriais, de infraestrutura e residenciais. Ou seja, a industrialização da construção está crescendo no país e pode ser vista em vários tipos de obras, trazendo vantagens para todas elas.

Exemplos de Soluções

– Contrapiso autonivelante

Uma das primeiras etapas que devem ser cumpridas para o assentamento do porcelanato é a execução do contrapiso. É uma etapa árdua e morosa, mas indispensável para a fase de acabamento de qualquer edificação. O contrapiso autonivelante é uma nossa solução construtiva! Por meio da utilização de argamassa especial, que contém um aditivo plastificante, não é necessário o serviço de nivelamento. Além de agilizar essa etapa, é possível diminuir a quantidade de profissionais, o que compensa o fato da matéria-prima ser mais cara.

– Steel Frame

A tecnologia Steel Frame é baseada na utilização de perfis de aço galvanizado para suportar as cargas da edificação. O grande diferencial da utilização desse sistema encontra-se na racionalização e na otimização dos materiais para a execução das atividades. Essa tecnologia exige uma mão de obra mais qualificada, o que pode encarecer o empreendimento. Porém, a menor geração de resíduos e a agilidade no serviço fazem com que o sistema seja viável.

– Gesso projetado

O gesso é uma etapa lenta e que demanda muito tempo e profissionais para execução na obra. A solução do gesso projetado permite que o serviço seja realizado com maior celeridade e a obra não dependa da produtividade do profissional. Para realizá-lo, é preciso utilizar uma máquina, que é pequena e de fácil alocação. Contudo, o sistema de gesso projetado ainda é cerca de 30% mais caro que o gesso liso. De toda forma, o acabamento é melhor, além de facilitar a etapa de sarrafeamento e agilizar as demais etapas. Essa economia de tempo e o ganho de qualidade acabam compensando o valor gasto com a tecnologia.

– Kit Porta Pronta

Os kits são práticos porque são produzidos em indústrias e, na maioria das vezes, já chegam prontos ao canteiro de obras. Um exemplo deles é o kit de portas, que revolucionou a marcenaria dentro da construção civil. O kit de Porta Pronta oferece muitas vantagens, entre elas:

  • Instalação: A nível de comparação, enquanto a instalação de portas pelo método convencional leva em média 2 horas, a instalação do Kit Porta Pronta gasta em torno de 20 minutos.
  • Mão de Obra: A rapidez e facilidade da instalação possibilita uma redução significativa dos custos relacionados à mão de obra. Considerando uma instalação padrão, um funcionário consegue instalar, no máximo, 6 portas por dia. Com os kits, esse número sobe para até 30.
  • Acabamento: A qualidade das portas de kit, após a instalação, é muito superior às portas convencionais. Isso acontece, pois, todos os componentes do Kit Porta Pronta são preparados fora do local da obra, por profissionais qualificados e especializados em pintura, acabamento e usinagem.
  • Desperdício de Materiais: Com o Kit Porta Pronta o desperdício de materiais da obra é drasticamente reduzido. Como todos os componentes são fabricados previamente em locais específicos e especializados, o engenheiro não precisa se preocupar com erros operacionais ou desperdício de materiais como tintas, madeiras, ferramentas, etc.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.