Portas de madeira: como manter a beleza e durabilidade ao longo do tempo

Portas de madeira - beleza e durabilidade

As portas de madeira são unanimidade em projetos residenciais e comerciais. Afinal, elas oferecem uma ampla gama de aplicações e tipos de revestimentos.

Mesmo que o material utilizado nas portas ofereça toda a resistência e durabilidade necessárias para seu uso em ambientes internos ou externos, como qualquer elemento arquitetônico, é impossível evitar que ocorram desgastes e danos ao longo do tempo.

Por isso, faz toda a diferença adotar alguns cuidados especiais para cuidar das portas de madeira. Quer conhecer os principais? Neste artigo, você encontrará as melhores dicas para mantê-las sempre bonitas e funcionais. Confira.

Quais os cuidados ideais para preservar as portas de madeira?

Quais os cuidados ideais para preservar as portas de madeira?

Apesar de estarem entre os elementos mais importantes de uma residência ou de um espaço comercial, as portas de madeira muitas vezes não acabam ganhando a devida atenção quando o assunto é manutenção.

Afinal, ao contrário dos móveis e de outros elementos de arquitetura, os proprietários nem sempre se dão conta de que elas também acumulam sujeiras, podem sofrer danos e desgastes com o passar do tempo.

Com isso em mente, vale a pena realizar limpezas periódicas, considerar a revisão da pintura e adotar alguns cuidados adicionais para ter portas de madeira mais duráveis, funcionais e sempre com a melhor aparência possível. Confira nossas dicas:

Limpe as portas periodicamente

Além de limpar as portas antes, durante e depois da instalação, também é importante higienizá-las periodicamente. Às vezes, a poeira e as pequenas manchas passam despercebidas, mas, ao retirá-las, a superfície volta a ter “cara de nova”.

O ideal é incluir a limpeza das portas durante a popular “faxina” da casa. Assim, você mantém as portas de madeira sempre bem conservadas, evitando que elas fiquem com um aspecto sujo ou envelhecido. 

Para isso, evite utilizar água nas portas internas, pois isso pode reduzir sua vida útil. O ideal é usar uma flanela e produtos adequados à madeira, que não contenham abrasivos. Se necessário, recorra aos panos úmidos, usando-os também para higienizar o chão ao redor.

Caso você encontre manchas de gordura, use apenas um pano levemente umedecido com detergente neutro. Esfregue-o com cuidado, removendo o excesso. Se o acabamento da porta for envernizado, use sabão à base de óleo e retire-o com um pano seco. 

Já as portas com pintura podem ser limpas com produtos domésticos diluídos em água. Eles podem ser aplicados na superfície, tendo o excesso retirado com o auxílio de um pano.

Em todos os casos, o ideal é sempre seguir as orientações do fabricante. Assim, você utiliza apenas os produtos adequados para o material da porta e evita danos ou desgastes em excesso. O mesmo vale para as maçanetas e dobradiças.

Fique atento à necessidade de repintura

Mesmo prezando pela devida limpeza, lembre-se que as portas de madeira são elementos de arquitetura sujeitos a desgastes. Por isso, elas também precisam de novas pinturas para manter sua aparência.

A periodicidade recomendada para conservar a estética das portas é realizar uma nova pintura a cada 3 anos. Contudo, esse tempo pode diminuir para as portas externas, que ficam mais sujeitas às intempéries. O ideal é analisar sua aparência antes de decidir pelo procedimento.

Vale ressaltar que a pintura das portas de madeira deve ser feita sempre com a ajuda de um profissional. Isso porque, ele saberá quais produtos utilizar para manter a integridade do material e ainda irá avaliar se é preciso realizar outras manutenções ou reparos.

Antes da nova pintura, é essencial retirar pedaços soltos de tinta. Depois disso, lixe a porta com uma lixa grana 320. Por fim, remova todo o pó e retire contaminantes (como umidade, óleo e gordura), seguindo as dicas de limpeza que apresentamos acima.

Uma alternativa para evitar o processo de repintura é optar por portas de madeira com revestimentos especiais. Esse é o caso das portas laqueadas ou com resina e verniz marítimo, que têm um acabamento mais resistente e durável.

Tome cuidado com os desgastes

Quase todas as portas de madeira com aparência desgastada têm marcas, arranhões ou afundamentos na superfície. Por isso, por mais que pareça óbvio, uma boa dica para aumentar sua durabilidade e manter a boa aparência é evitar batidas e raspões.

Esse tipo de dano é mais comum durante mudanças ou no transporte de objetos grandes. Assim, vale ter atenção redobrada nesses casos. Outra solução é instalar produtos para segurar as portas em locais de maior circulação, evitando que elas batam.

Outro tipo de desgaste comum é na base e no batente de portas que ficam em áreas molhadas, como na lavanderia, banheiros ou cozinha. Isso porque, a umidade apodrece a madeira aos poucos, deixando seu visual envelhecido. 

Para evitar esse tipo de problema, lembre-se de nunca jogar água nos locais próximos às folhas das portas. Ao invés disso, utilize apenas um pano umedecido e produtos não abrasivos para higienizar o chão ao redor. 

Nas áreas molhadas com piso rebaixado, outra alternativa é instalar as portas de madeira com nivelamento pelo lado de fora, por cima da soleira. Isso forma um degrau no local, que diminui o contato com a água do chão.

Por fim, vale ressaltar que faz toda a diferença optar pelas portas impermeabilizadas. Com as opções que citamos anteriormente, como portas laqueadas, com resina ou verniz, você reduz significativamente os efeitos da umidade e aumenta a vida útil do material.

Confira algumas dicas adicionais

Portas de madeira - dicas para cuidar

Para finalizar, vamos citar brevemente algumas dicas extras para você cuidar das suas portas de madeira. A primeira é nunca batê-las ou empurrá-las com muita força, pois isso causa danos à superfície e às dobradiças.

Por falar nas dobradiças, elas precisam ser lubrificadas junto das fechaduras periodicamente. Bastam algumas gotas de óleo para que a porta não fique rangendo e os metais não enferrujem. Só tome cuidado para que o excesso de lubrificante não escorra e nem cause manchas.

Voltando aos já citados riscos e arranhões, saiba que eles precisam ser reparados imediatamente assim que você notá-los, pois favorecem a entrada de umidade. Para isso, basta utilizar uma massa própria para madeira e lixar para nivelar.

Em locais com bastante tráfego de pessoas, uma alternativa útil pode ser o uso de protetores de soleira. Elas previnem os danos oriundos do uso diário, evitando que a madeira fique muito desgastada ou rache.

Gostou das nossas sugestões para manter a beleza e durabilidade das suas portas de madeira? Quer receber outras dicas tão úteis quanto essas? Continue ligado no blog da Rohden e mantenha-se bem informado com quem mais entende do assunto!

Linha Kit Porta Pronta Rohden: acesse e baixe nosso catálogo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *