Saiba agora quais são as tendências da construção civil em 2023

construção civil 2023

As tendências da construção civil em 2023 estão relacionadas ao processo de adoção de ferramentas tecnológicas e inovadoras para aprimorar o desenvolvimento do setor.

A evolução deste mercado depende do investimento nessas ferramentas para garantir, cada vez mais, resultados que promovem a qualidade de vida da população e melhores empreendimentos.

Continue a leitura para conhecer as tendências e expectativas para o setor em 2023!

Expectativas para a construção civil em 2023

A previsão para a construção civil em 2023 tem gerado grandes expectativas. Isso porque, ainda em 2022, a projeção é de que o setor encerre o ano com 7% de alta, segundo dados citados pelo R7.

Ou seja, essa predição está mais alta do que o percentual idealizado para o avanço do PIB neste ano, que é de 2,7%. A concretização da previsão fará com que a construção civil cresça mais do que o Produto Interno Bruto pelo segundo ano consecutivo.

O otimismo gera certa confiança para o próximo ano. Afinal, acompanhamos a resiliência do setor nos últimos dois anos, após ter sido considerado como um setor essencial durante o período de isolamento.

A continuação das atividades reforçou a importância deste mercado para a economia brasileira devido às necessidades dos consumidores relacionadas ao conforto e bem-estar de seus lares.

É neste contexto que se apresenta uma das grandes preocupações para 2023. De acordo com a CBIC, as unidades de imóveis disponíveis estão com estoque baixo e os valores dos materiais estão mais elevados. Dessa maneira, há uma certa dificuldade quanto ao surgimento de novas construções e projetos.

Entretanto, os profissionais do setor acreditam em um próximo período promissor. Para reforçar, o Índice de Confiança da Construção atingiu um avanço de 3,5 pontos só em setembro, segundo a Agência Brasil. Este é o maior nível desde novembro de 2012!

Ieda Vasconcelos, economista da CBIC, completa ao afirmar que o setor é o futuro do país devido ao seu impacto econômico.

“Por isso, é essencial investir mais no segmento e nos jovens profissionais que estão dispostos a se especializar e trazer inovação para o setor”.

Portanto, para manter a evolução do setor basta ter atenção redobrada aos indicadores econômicos e contar com fornecedores que buscam promover inovação nas suas soluções.

Principais tendências da construção civil para o próximo ano

Diante da previsão de um cenário favorável da construção civil em 2023, podemos citar algumas tendências. Separamos em 3 principais categorias: tecnologia, inovação e sustentabilidade. Isso porque, todas as tendências do mercado giram em torno destas áreas.

Cabe destacar que algumas delas já foram ditas como novidades nos últimos anos. Contudo, ainda há muito que explorar nessas áreas e, por isso, até que atinjam seu verdadeiro potencial, vão continuar sendo grandes expectativas para o setor.

Confira a seguir a lista!

Tecnologia

A tecnologia cerca o setor conforme o avanço das transformações tecnológicas. Para as previsões da construção civil em 2023 não seria diferente!

Aqui podemos citar inúmeras ferramentas e conceitos disruptivos que visam eliminar desperdícios e promover economia através da inteligência, automação e otimização.

Como é o caso da Realidade Aumentada (RA). Essa é a tecnologia responsável por interligar os espaços virtuais e reais de maneira colaborativa. A ideia é que, se aplicada ao setor, tanto os engenheiros quanto arquitetos e construtoras poderão projetar a construção de maneira eficiente.

Isto é, pode-se idealizar um empreendimento e apresentar ao cliente o que foi planejado de maneira imersiva. O interior de uma sala, por exemplo, pode ser melhor idealizado ao aplicar elementos da RA, como podemos observar na figura abaixo.

construção civil 2023

Essa tecnologia possibilita maior interação do cliente, garantindo ótimas experiências.

Além disso, essa ferramenta é extremamente benéfica para a análise da compatibilidade geométrica do projeto, contribuindo para a assertividade do planejamento da obra.

Já os drones são instrumentos cada vez mais úteis nas construções. Eles podem ser utilizados para avaliação termográfica e estudo do estado da obra. Também podem ser usados para monitoramento a distância do empreendimento, auxiliando a gestão do canteiro e eliminando riscos.

A Inteligência Artificial é outro exemplo de tecnologia eficiente para o setor. Ela pode ser aplicada cada vez mais graças a sua capacidade de previsão de cenários. Isto é, através da análise de dados, juntamente com os softwares de administração, é possível garantir uma gestão focada em tomada de decisões estratégicas.

Por fim, a tecnologia da Internet das Coisas tem ganhado mais espaço e aplicabilidade no setor. Afinal, ela pode ser utilizada para o compartilhamento de informações durante a obra ou adicionada ao projeto final para automatizar os lares e promover comodidade.

Inovação

Já em inovação, é possível citar dois principais conceitos: Cidades Inteligentes e ESG.

O primeiro diz respeito ao conceito de cidades comprometidas com o desenvolvimento urbano e a transformação digital. A ideia de cidades inteligentes existe há anos. Mas somente na última década que esse termo tem se destacado, devido a criação da Agenda 2030 da ONU (transformação mundial através de objetivos de desenvolvimento sustentáveis, seguros e igualitários) e o crescimento populacional.

Segundo o portal do Governo, as cidades inteligentes consideram aspectos econômicos, ambientais e socioculturais para planejar, de forma inovadora e inclusiva, esses espaços.

O intuito é promover o letramento digital, a governança e a gestão colaborativa para solucionar problemas de desigualdade e segurança, aprimorando a qualidade de vida. Para isso são utilizados dados e tecnologia da informação e comunicação.

Portanto, o papel da Construção Civil em 2023 é garantir construções sustentáveis para promover bem-estar, qualidade de vida, segurança e igualdade.

O segundo termo relacionado à inovação é o ESG. Essa é a sigla para environment, social and governance em inglês, ou meio ambiente, desenvolvimento social e governança.

Este é o conceito destinado a medir o impacto e influência destas áreas nas operações de uma organização. Adotar esta prática na construção civil significa reduzir o consumo de recursos naturais e gerar maior mobilização dos envolvidos.

Além disso, o ESG no setor proporciona melhora no relacionamento com os stakeholders, desempenho financeiro e o completo acompanhamento de tendências. O objetivo é gerar a evolução no ambiente de trabalho e nos resultados para atender às novas demandas das empresas e pessoas.

Sustentabilidade

construção civil 2023

Apesar de a inovação e tecnologia estarem atrelados à sustentabilidade, como vimos acima, é necessário destacar alguns pontos desta categoria de maneira individual, para reforçar sua importância.

Isto porque, para a construção civil em 2023, a sustentabilidade é a principal tendência. Para comprovar esta afirmação podemos citar uma pesquisa realizada pela ABRAINC e citada pela Condo.News. Segundo os resultados, 66% dos entrevistados afirmam que pagariam a mais em um imóvel com energia solar.

Esse dado só demonstra a mudança de percepção do consumidor. Atualmente ele entende e reforça a importância em promover ações sustentáveis no dia a dia. Dessa forma, é fundamental que a construção civil pratique a sustentabilidade durante todo o seu ciclo.

Ou seja, desde o canteiro de obras, com a correta gestão de resíduos e no uso de materiais verdes. Assim como, durante os próprios processos construtivos com o Lean Construction (construção enxuta). E, por fim, na aplicação de componentes que promovam bem-estar e qualidade de vida, como é o caso das Portas Acústicas.

Além disso, é fundamental contar com fornecedores inovadores e comprometidos com a sustentabilidade. Só assim será possível verdadeiramente reduzir os impactos do setor no meio ambiente.

E agora?

Como abordamos ao longo do texto, a inovação, tecnologia e sustentabilidade são os principais conceitos que norteiam as tendências da construção civil em 2023. O cenário positivo permite e incentiva o investimento nas soluções apresentadas, proporcionando ainda mais desenvolvimento.

E se você deseja entender um pouco mais da importância da sustentabilidade na construção civil, recomendamos a leitura do nosso conteúdo de blog sobre o assunto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *